20 de março de 2017

Novo Ano Astrológico, novo ciclo...


O relógio marcava 10 horas e 29 minutos (em Portugal), quando o Sol entrou no signo de Carneiro dando início a um novo ano astrológico e com ele veio a Primavera. A tão desejada Primavera, sinónimo de bom tempo, boas energias, alto astral e flores nos campos. Já vos disse que é a minha estação do ano preferida, não disse?! ;)

Novos ciclos são sempre desejados e este não é excepção. Desde a antiguidade que se celebra o Equinócio da Primavera como representando a fertilidade e o renascimento. Os Celtas realizavam um ritual à deusa Ostara para marcar o início do plantio, tanto físico como espiritual. Decoravam ovos e colhiam flores nos campos, acreditando que estas, sendo colhidas neste dia tinham poderes. Para os gregos, era Perséfone a deusa das flores, das ervas e dos perfumes e a representação da Primavera. Uma vez por ano sobe dos Infernos até à terra, tal como as sementes que germinam e nascem. É a sua mãe Deméter que detém o poder sobre as estações do ano. Para os romanos era Ceres a grande mãe. A mãe natureza.

Hoje o poder da luz começa a ganhar pontos às trevas. Os dias vão ficando maiores que as noites. É sabido que a luz solar tem grande influência na boa disposição e humor. A falta de luminosidade predispõe a uma maior tendência para estados depressivos e cansaço.


Por tudo isto e mais alguma coisa, bem-vinda Primavera!


Sem comentários:

Enviar um comentário